19 de outubro de 2011

SER ou NÃO SER, Eis a questão!

"(...) coloquei diante de vocês a vida e a morte, a bênção e a maldição. Agora escolham a vida, para que vocês e os seus filhos vivam, e para que vocês amem o Senhor, o seu Deus, ouçam a sua voz e se apeguem firmemente a ele. Pois o Senhor é a sua vida, e ele lhes dará muitos anos na terra que jurou dar aos seus antepassados, Abraão, Isaque e Jacó".
Deuteronômio 30:19-20

É fácil dizer algo que não se vive. Você conjectura algumas idéias, filosofa sobre outras, pensa no produto final do E SE... E pronto, sua opinião está formada, sem ao menos ter sentido o ODOR da situação, muita das vezes, conflitante em que um indivíduo, humano para ser específico, passa.

Felizmente, não basta opinar. Precisa-se viver, esbarrar, sentir, sofrer. Isso é ser humano. Conflitos, escolhas, perdas, ganhos, emoções que vão moldando uma mente.

E pra ser exato e justo, todo mundo, humano, passa por essas. Só não passa quem não o é: humano, emocional, forte por um lado, fraco pelo outro. Quem, afinal de contas, nunca teve dúvidas?

O problema, e é isso que me irrita, é que, havendo dúvidas, ainda sim, classificam-nos. Se há dúvidas, não É nada, melhor procurar alguém pra conversar.

Se você não sabe qual carreira seguir, procura alguém pra te orientar. Se você tem dúvidas sobre determinada pessoa ser a certa, espera mais um pouco; procure orientação. Só lembre-se, no final, VOCÊ DECIDE. A escolha é sua.

Graças a Deus!

Só penso que SER ou NÃO SER é questão de escolha.

Tudo na vida não é fácil. Contudo há um padrão, um modelo, uma verdade absoluta que nem eu, nem ser humano algum podemos definir qual SEJA. A gente só pode contemplá-la.

Sabe quando tudo que é normal passa a ser fantástico? Isso cabe a cada um. E eu, infelizmente, não posso fazer humano algum enxergar; só alguém muito maior que nós pode nos fazer vê-lo.

Eu consegui enxergar a beleza do comum, do modelo. Entendi q minha liberdade não é menor se eu ESCOLHER o fantástico cotidiano. Por isso, creio piamente que esse alguém MAIOR dá, todo dia, a oportunidade de aceitar.

Não adianta o discurso: “mas é sofrido demais, é doloroso demais, é desgaste demais”.

Ora, tudo na vida é suado, precisa de esforço. Não há nada, nada, NADA, na vida que não seja por esforço. Se você tiver, 1 pontinho sequer, de moleza, pode ter certeza que ele, logo, logo, vai sumir, bem assim, de repente, como apareceu.

Não adianta também: “Mas será que o alguém MAIOR, sendo tão bom, deixaria alguém sofrer assim?”

SIM! Já que você tem o poder de escolha. Então, não dá para se surpreender com os processos longos e dolorosos nos quais o indivíduo se encontrar. Se você quiser, a DOR faz parte da "cura", faz parte da transformação.

Ele te deu escolha. Seria muito bom você escolher o melhor. Pode até ser doloroso demais, mas é o melhor. No fim, as marcas serão grandes lições. No fim, lá no fim, saberemos que SER é também ESCOLHER; e que não há VITÓRIA sem LUTA. Não há OURO sem o TRABALHO. Não há SATISFAÇÃO sem a DETERMINAÇÃO.

Não SER, eis a questão!

Phill Davi | Enfim, Persiste em Ler, Exortar & Ensinar!

Nenhum comentário: